6 dicas para melhorar o relacionamento interpessoal

6 minutos para ler

A habilidade de construir um relacionamento interpessoal positivo é algo que impacta em todas as esferas da vida. No ambiente de trabalho, esse aspecto tem ganhado cada vez mais atenção, exigindo novos comportamentos tanto de gestores quanto de colaboradores para levar isso ao seu mais alto nível.

Afinal, uma empresa só funciona a partir de relações, com fornecedores ou clientes e entre funcionários, para criar um fluxo de atividade que entrega bons resultados. Nesse cenário, incentivar e otimizar essas dinâmicas deve ser uma prioridade.

Descubra como promover melhores interações no seu negócio com as 6 dicas deste conteúdo!

O que é relacionamento interpessoal?

Relacionamento interpessoal pode ser tanto a prática das interações humanas quanto as capacidades, as habilidades, as regras e os comportamentos que embasam seu funcionamento

Grupos ou pessoas utilizam esses parâmetros para guiar sua postura em prol de uma melhor convivência, bem como usam essas relações no dia a dia para promover seus interesses e desenvolver atividades com os outros.

Como isso impacta no ambiente de trabalho?

Convivência, comunicação e colaboração são primordiais para o funcionamento de um negócio, já que ações cotidianas como orientar os funcionários ou repassar um processo para a próxima etapa só têm êxito a partir de relações.

O impacto do relacionamento interpessoal também está ligado a elementos estratégicos, incluindo o clima e a cultura organizacional. Pois, esses pontos dependem dele e são a base da motivação, da proatividade, da confiança da equipe etc.

Ou seja, sem esse embasamento não há empreendimento que se desenvolva ou chegue ao seu máximo potencial, uma vez que tal progresso depende de pessoas e, principalmente, de como elas percebem seu cotidiano profissional para contribuir com esses objetivos.

Como promover um relacionamento interpessoal positivo?

Não há receita infalível para promover um relacionamento interpessoal positivo. Isso porque as pessoas são diferentes e recebem de maneiras distintas as iniciativas que visam desenvolver as relações. Entretanto, algumas ações tendem a entregar os melhores efeitos. Conheça 6 a seguir!

1. Comece pela atitude

Quando a positividade está presente em cada ação, a tendência é criar um ambiente com esse clima, não é mesmo? Dessa forma, líderes, proprietários e gestores são os que primeiro devem se apresentar para colocar isso em prática, a fim de guiar os demais colaboradores a terem esse comportamento.

As atitudes no dia a dia são a principal maneira de provocar essa postura. Por exemplo, dê um bom dia animado e contagiante. Outra ideia é focar no que há de melhor em cada situação, diminuindo impactos negativos e destacando a superação.

2. Use os feedbacks para aprender

Clientes, colaboradores e fornecedores podem te apresentar a uma visão diferente sobre várias situações, permitindo uma reação mais assertiva. Isso torna essas pessoas importantes fontes de aprendizado, principalmente quando elas vêm de uma realidade distinta da sua.

Diante disso, os feedbacks desses grupos não devem ser desperdiçados. Para aproveitá-los, o ideal é buscar reunir o máximo de informações e praticar na escuta ativa em prol de entender os detalhes que cada um fornece para montar o quadro geral.

3. Respeite seus limites e os dos outros

Uma das regras de um bom relacionamento interpessoal é o respeito, certo? Só que nem sempre os limites são respeitados, especialmente quando há conflito entre as necessidades pessoais e empresariais.

Porém, os efeitos daquele gás a mais quando se está cansado são caros tanto para a empresa, que perde talentos, sofre com seu adoecimento, com a redução de sua produtividade e com a queda da qualidade das entregas, quanto para os colaboradores, que deixam de estar nas melhores condições. 

Entre os exemplos de como manter essas limitações estão ações simples. Que tal aprender a gerir melhor o tempo e não levar trabalho para casa? Da mesma forma, não peça isso aos seus funcionários e forneça meios para eles se organizarem melhor.

4. Tenha empatia

Qualquer relacionamento interpessoal ganha quando uma parte consegue entender melhor a outra. Nesse cenário, ter empatia se torna uma das chaves mais importantes para a boa convivência.

No trabalho isso ganha destaque, já que são pessoas de origens diferentes, com hábitos e experiências distintas atuando juntas para chegar a um lugar comum. Tamanha diversidade agrega para resolver problemas, mas também cria atritos que somente são superados pela compreensão mútua.

Ter empatia é um exercício constante de ouvir tanto o que é dito quanto o que está implícito, para ter conhecimento de ideias e emoções que nem sempre estão claras. Na prática, estar aberto a não saber tudo é um bom começo.

5. Dê o exemplo 

Quer que os outros te tratem de uma determinada forma? Gostaria que a sua equipe agisse ou se envolvesse mais? Vê algumas atitudes negativas acontecendo e deseja que parem? Seja o primeiro a agir.

Dar o exemplo do que fazer ou não é um meio poderoso de liderar. As pessoas se inspiram e repetem essas práticas. Por outro lado, eliminar um hábito também é possível com essa abordagem, uma vez que a origem dele pode ter sido a permissibilidade de quem dá o tom acerca dos limites da empresa.

6. Opte por uma comunicação clara

Talvez o elemento mais básico de um relacionamento interpessoal seja a comunicação. Afinal, ouvir e falar é o principal meio que as pessoas usam para se relacionarem. Ter clareza ao se expressar, facilita a compreensão do interlocutor, reduzindo mal entendidos.

No ambiente de trabalho, isso significa menos erros e retrabalhos, minimização das intrigas, diminuição de fofocas entre outras consequências. Uma dica é pensar no que quer transmitir e em como cada expressão pode ser compreendida, removendo duplos sentidos ou raciocínios incompletos.

Quais são os benefícios de implementar essas ações?

Melhorar o relacionamento interpessoal no trabalho exige esforço. Entretanto, seus benefícios fazem isso valer a pena. Tais ganhos incluem:

  • criar um ambiente harmonioso e acolhedor;
  • aumentar a capacidade de superar problemas;
  • ampliar o desenvolvimento de soluções inovadoras;
  • promover uma maior agilidade no progresso das tarefas;
  • reduzir atritos, ruídos e mal entendidos;
  • elevar a motivação, o engajamento e o senso de pertencimento;
  • impulsionar os resultados corporativos.

Em uma empresa todos são dependentes uns dos outros para entregar tarefas e resultados. Por isso, buscar otimizar o relacionamento interpessoal é uma atividade central para o melhor andamento do trabalho. Tanto proprietários, líderes e gestores devem incentivar, quanto colaboradores precisam abraçar práticas como as 6 indicadas nesse conteúdo.

Gostou do conteúdo? Então compartilhe nas redes sociais!

Posts relacionados

Deixe um comentário