6 dicas de como montar um delivery e obter mais lucro

7 minutos para ler

Nós últimos meses, houve uma procura muito grande por parte dos empreendedores sobre como montar um delivery. A pandemia do coronavírus mostrou a importância de nos reinventarmos e nos adaptarmos às novas necessidades de consumo.

Com o fechamento temporário de muitos comércios, desde o início dos decretos de isolamento social, as compras por delivery cresceram 59%. Oferecer esse serviço é uma maneira de ter uma fonte a mais de vendas e de expandir o seu atendimento. Além de atender aos consumidores que não querem ou não podem sair de casa.

No entanto, não é raro encontrar clientes que reclamam de alguns serviços de entrega e de negócios que têm prejuízos. Normalmente, isso acontece pela falta de planejamento e organização.

Se você tem tido esses problemas ou precisa saber como montar um delivery, acompanhe este artigo!

As vantagens de montar um delivery

São diversos os motivos pelos quais os serviços de entrega estão se tornando indispensáveis para muitos consumidores.

Apesar de muito comum em restaurantes e lanchonetes, a entrega também é uma opção importante para aproveitar as oportunidades de outros setores. As lojas de roupas, maquiagem, papelaria e equipamentos eletrônicos também perceberam um aumento nos pedidos e solicitações de entrega por delivery durante a pandemia.

Essa é uma oportunidade e tanto para as empresas aproveitarem para aumentar as vendas e fidelizar os clientes. Veja só o porquê.

Oferece maior comodidade aos clientes

Correria do dia a dia, aumento de consumidores com acesso à internet, pandemia e cozinhas cada vez menores. O delivery é um serviço que oferece comodidade para esses e outros tipos de clientes que não podem, não querem cozinhar ou não podem sair de casa para comprar comida.

Para fazer um pedido, basta seguir poucos passos, alguns cliques na tela do celular e pronto! O consumidor não precisa nem sair do sofá.

Possibilidade de aumentar a clientela

Montar um delivery também é importante para aumentar a quantidade de clientes. Esse serviço diminui as barreiras geográficas. Pense só, muitos clientes preferem frequentar locais próximos de casa, pois já os conhecem e é mais rápido e econômico para chegar.

Já as entregas podem atender pessoas de outras regiões que não conheceriam o seu negócio se não fosse pelo delivery.

Otimiza o atendimento

Consumidores não gostam de esperar. Pior ainda se essa espera for para ficar em filas aguardando atendimento e o pedido. Quando corretamente organizado, o delivery é um serviço rápido tanto para o cliente quanto para a empresa. O consumidor não precisa esperar muito nem ir ao estabelecimento.

Aumenta o faturamento

O aumento do faturamento com as vendas é resultado da expansão do seu atendimento para outras regiões, rapidez, praticidade do serviço, aumento dos clientes e otimização do atendimento — consegue atender mais pessoas.

Como montar um delivery

Para alcançar esses resultados positivos no seu delivery, não basta contratar motoqueiros e sair fazendo entregas desordenadas ou somente se cadastrar em um aplicativo sem planejamento. O descontrole pode ter um efeito contrário, gerar prejuízos e clientes insatisfeitos.

Veja como montar um delivery e os passos que não pode ignorar.

1. Planeje

Toda e qualquer mudança ou estratégia precisa começar pelo planejamento. Você precisa definir os canais que utilizará no seu delivery, se terá entregadores contratados ou freelancers, qual será a sua região de atendimento, cardápio e plataforma ou sistema para gerenciar esses pedidos.

2. Faça uma análise da concorrência

Avaliar a concorrência é necessário para que ofereça serviços melhores. Será importante identificar o preço praticado pelos concorrentes, se cobram pelas entregas, o tempo que levam para finalizar o pedido e os produtos disponibilizados.

Lembrando que nem sempre ser melhor que o concorrente é ser o mais barato. Muitos clientes buscam por propostas de valor, rapidez e uma boa experiência do atendimento ao produto.

3. Considere ter a sua própria frota

Em relação aos entregadores, você tem a opção de montar uma frota própria ou de terceirizar. Apesar de a terceirização sair um pouco mais em conta, ela pode gerar problemas com irresponsabilidade dos profissionais e a falta de entregadores em horários de pico dos pedidos.

Então, pense em montar a sua própria frota, pois assim você conhecerá os entregadores, definirá critérios para a contratação, conseguirá alinhar as demandas e rotas, além da quantidade de profissionais disponíveis.

4. Garanta produtos de qualidade

Nem só o setor alimentício usa o delivery. Qualquer tipo de comércio pode montar um delivery, mas um fator deve ser unânime: a qualidade e integridade dos produtos. Será necessário cuidar das embalagens e do transporte.

Alimentos e produtos que chegam amassados, abertos ou revirados prejudicam a sua imagem e a satisfação do cliente. Além disso, se for do setor de alimentação, preze pela qualidade dos pratos como se o cliente estivesse no seu estabelecimento. Não faça nada as pressas para atender mais clientes.

5. Acompanhe todo o processo produtivo

O processo do delivery precisa ser muito organizado para não fazer entregas erradas ou prejudicar o tempo de entrega e qualidade dos produtos. As tarefas precisam ser distribuídas de maneira eficiente.

Se a mesma pessoa responsável por receber e gerenciar os pedidos for a que prepara o alimento ou o produto, certamente haverá problemas. Então, conheça e acompanhe de perto todo o fluxo de trabalho do delivery, desde o recebimento do pedido até a entrega para o cliente. 

Assim, você será capaz de identificar algum problema ou falha no meio desse caminho e solucioná-lo antes que prejudique a satisfação do consumidor. Também é fundamental capacitar a sua equipe para alinhar objetivos e ter um time eficiente. 

6. Utilize as mídias sociais para divulgação

Depois de montar o delivery e organizar todo o processo, é o momento de fazer a divulgação para que os clientes saibam desse serviço. As mídias sociais são as melhores ferramentas para isso, pois têm um bom alcance e ainda trabalham no engajamento do seu público.

Se você tiver o contato de clientes, por exemplo, pode utilizar o WhatsApp Business para enviar informações sobre o delivery, como horários de entrega e taxas. O Facebook e o Instagram são locais indispensáveis e que a empresa precisa estar, pois são canais que a maior parte dos seus clientes utilizam.

Publique o seu cardápio das entregas e informações do delivery; folders com promoções e ofertas exclusivas para os seus seguidores também é uma ótima opção. Além disso, se tratando de serviços online, é importante considerar estratégias de marketing omnichannel

Entender como montar um delivery vai além de somente contratar entregadores e receber pedidos. Organize o fluxo das solicitações, avalie os valores dos produtos e da entrega e veja o que os seus concorrentes estão praticando para oferecer melhores serviços e, assim, fidelizar clientes.

Precisando expandir a sua empresa, mas não sabe por onde começar? Acesse o site da nossa escola de negócio e tenha acesso a cursos do Sebrae para aprender a alavancar e gerenciar o seu empreendimento. 

Posts relacionados

Deixe um comentário