Quer trabalhar o branding do seu negócio? Confira nossas 5 dicas para começar!

6 minutos para ler

Para criar uma marca forte, capaz de demonstrar o posicionamento da empresa em seu mercado de atuação e fazer com que ela seja lembrada pelos clientes, é necessário investir em estratégias que envolvam marketing e psicologia — um processo que ficou conhecido como branding.

O objetivo do branding é obter maior identificação com o público de sua marca, de modo que os clientes passem a enxergar em sua empresa valores e propósitos em comum, o que aumenta a confiança. Empreendimentos que conseguem fazer uma boa gestão de sua imagem normalmente se tornam referência no segmento em que atuam e são facilmente lembrados pelos consumidores.

Quer saber como implementar essa estratégia na sua empresa? Continue a leitura para descobrir como impulsionar sua marca com o uso de ferramentas de branding!

O que é branding?

Quando uma marca se torna relevante para o seu público, é mais facilmente lembrada pelos clientes, que passam a se identificar e confiar nela. Com isso, se torna referência em sua área de atuação. Você já notou quantas empresas (ou marcas) são reconhecidas dessa maneira pelos consumidores?

Para conseguirem isso, essas empresas trabalharam o seu branding, ou seja, a imagem de sua marca. Em outras palavras, tiveram de definir seus valores e identidade, adotando estratégias para se aproximarem dos clientes e serem reconhecidas pelo público — um processo que geralmente requer formas de inovação na empresa.

Por meio de ferramentas para gestão da marca, por exemplo, os negócios conseguem criar conexões (conscientes ou não) com os clientes, que passaram a enxergá-las como referência dentro do segmento de atuação. Com isso, impulsionaram as vendas.

Marcas fortes e conhecidas sempre levam vantagem sobre os concorrentes, mesmo que os produtos comercializados sejam similares. Por essa razão, fazer um bom branding é um diferencial para se destacar no mercado.

Quais os benefícios do branding?

Tornar a marca conhecida como referência em seu setor e impulsionar as vendas são os grandes benefícios da adoção da estratégia. No entanto, existem outras vantagens:

  1. o cliente passa a perceber mais valor em seus produtos. Quando a marca é forte, normalmente as pessoas não questionam tanto os preços, pois confiam na qualidade dos produtos ou serviços;
  2. uma boa estratégia de branding garante que a marca seja conhecida por muito tempo, o que promove a sua longevidade. Com isso, a tendência é de que alguns custos, como o de aquisição de novos clientes, se reduzam;
  3. uma marca forte consegue maior fidelização de clientes;
  4. da mesma maneira, esse fortalecimento ajuda na retenção de talentos, evitando despesas com seleção, contratação e treinamento de colaboradores;
  5. o lançamento de novos produtos tende a ser mais simples, com maior aceitação por parte dos consumidores.

Como colocar essa estratégia em prática?

Agora que você já entendeu o que é branding e as suas vantagens, é hora de colocar a estratégia em prática. Importante destacar que a gestão de marca vale para empresas de qualquer porte, nas mais diversas áreas de atuação e deve, inclusive, ser feito com o uso de marketing digital.

O branding digital é uma forma de desenvolver sua marca e aproximá-la do público por meio de canais online, como redes sociais, blogs ou mesmo com a presença em ferramentas como o Google Business. Afinal, cada vez mais, as pessoas fazem o primeiro contato com a marca dessa forma, seja para pesquisar produtos, seja para verificar a reputação da empresa.

A seguir, confira 5 dicas para começar a trabalhar seu branding!

1. Analise os valores da empresa

Como você quer que o seu cliente enxergue a sua marca? É fundamental ter uma personalidade que se identifique com o seu público. Isso gera identificação e confiança.

Essa personalidade da marca deve se manter ao longo do tempo, para que seja entendida pelo público como autêntica.

2. Trabalhe a identidade visual

Seu logotipo, as cores utilizadas, o tipo de propaganda e de postagem nas redes sociais dizem muito sobre sua marca e são elementos essenciais para a identificação com o consumidor. Por isso, é fundamental analisar o perfil de seu público e adequar a marca a ele.

No caso do logotipo, a imagem deve ser fácil de identificar, assim como a leitura. É preciso pensar que, muitas vezes, o cliente abrirá essa imagem em um aparelho celular, então ela deve oferecer boa visibilidade em todas as dimensões.

Além disso, o nome deve ter alguma associação com o produto a ser fornecido. Se utilizar um nome escrito em outra língua, verifique seus possíveis significados e certifique-se de que o conceito realmente tem afinidade com a sua marca.

3. Pense no tom de voz

Ao usar vários canais para fortalecimento de sua marca, é fundamental manter o estilo de comunicação. Afinal, é dessa maneira que a empresa expressa os seus valores e mostra aos clientes a sua personalidade.

Assim, se a sua marca é mais descontraída no Facebook, por exemplo, deve adotar a mesma postura no blog, Instagram, Twitter, Youtube e qualquer outro canal em que esteja presente. No caso de ser uma empresa que procura educar o consumidor sobre a importância de seus produtos ou serviços, ou que defenda alguma causa, vale a mesma orientação.

É importante refletir: como a sua empresa quer ser vista e entendida pelos clientes?

4. Entenda a sua persona

Sua buyer persona é a representação do seu público-alvo, ou seja, as pessoas que a marca deve atingir. É fundamental entender quais são os seus valores e as suas necessidades, de forma a oferecer o produto ou serviço mais adequado e da melhor maneira.

Para criar a persona, pesquise mais sobre seu público e os potenciais clientes. Quais são seus hábitos, suas dores, suas causas no dia a dia? Quanto mais próxima dessa persona for sua marca, mais potencial de identificação e, por consequência, melhor o engajamento e fidelização.

5. Adote estratégias específicas

Para fortalecer a presença da empresa nos diferentes canais, é preciso produzir conteúdo que interesse à persona. Isso cria vínculos com os consumidores, que passam a confiar mais na marca.

Quando o conteúdo é relevante e ajuda a persona a solucionar algum problema ou dificuldade, a chance de ser compartilhado aumenta, fazendo com que a marca conquiste visibilidade e atinja um número de pessoas cada vez maior.

Um detalhe importante é a necessidade de acompanhar a percepção que o cliente tem da estratégia adotada. Acompanhe os comentários em redes sociais, ofereça soluções e, se necessário, realize pesquisas para entender melhor a imagem que o consumidor tem da empresa, de seus produtos ou de seus serviços.

Como você percebeu, investir em boas estratégias de branding é uma importante maneira de aumentar o alcance de sua empresa e fidelizar os clientes de forma natural.

Gostou do conteúdo? Compartilhe nas redes sociais para alcançar os seus amigos interessados no tema!

Posts relacionados