Como aumentar a produtividade na carreira empreendedora? Confira nossas 4 dicas!

4 minutos para ler

O sonho de abrir o próprio negócio é alimentado pela ideia de mudar de vida, trabalhar como quiser e quando quiser. No entanto, essa prática não é sustentável a longo tempo e coloca em grande risco o sucesso do negócio. Por esse motivo, um empreendedor está sempre em busca de aumentar a produtividade.

Afinal, ter um bom rendimento e saber administrar o tempo são fatores tão essenciais quanto entender o empreendimento. No mundo empresarial, é preciso exercer diversas tarefas, o que pode ser um grande desafio quando não se tem uma organização adequada.

Pensando nisso, preparamos este post com 4 dicas valiosas para que você tenha um desempenho melhor e expanda seu negócio. Confira!

1. Programe a sua agenda

É verdade que trabalhamos muito mais no início de um novo negócio. Mas, assim que seu empreendimento estiver minimamente estabelecido, o ideal é programar a agenda e estabelecer um começo e um fim para o seu horário de trabalho. Lembre-se de que sempre haverá tarefas a serem feitas. Então, não queira resolver todos os problemas em um único dia.

Faça um cronograma diário, semanal e mensal com as tarefas a serem realizadas e mantenha-se fiel a esse planejamento o máximo que puder, a menos que surjam emergências ou imprevistos.

Também é essencial priorizar as atividades. Liste-as por ordem de importância e divida as responsabilidades caso você trabalhe com outras pessoas, como sócios e colaboradores.

2. Evite distrações

Analise o seu dia a dia e identifique o que tira o seu foco. Imagine quanto tempo você desperdiça com pequenas distrações, como redes sociais particulares, troca de mensagens, notícias de última hora, vídeos, telefonemas. Analise também o que atrapalha a sua concentração, como a falta de organização na mesa de trabalho e o barulho.

Quando for realizar atividades que exigem 100% do seu foco, afaste-se de tudo o que pode atrapalhar: desligue o celular, feche abas desnecessárias no navegador de internet, mantenha o local em silêncio e vá para um lugar onde dificilmente será interrompido.

Tenha em mente que estar ocupado não significa necessariamente produzir. Entretanto, fazer pausas é tão importante quanto sentar e trabalhar. Quando estamos relaxados, descansados e com a mente tranquila, fica mais fácil aumentar a produtividade.

3. Use a tecnologia a seu favor

Há inúmeras ferramentas tecnológicas cujo objetivo é ajudar a aumentar a produtividade e administrar melhor o tempo de trabalho. Veja algumas delas:

  • Trello: permite a criação de notas, checklists, lembretes de compromissos e tarefas;
  • Evernote: funciona como um bloco de notas e pode ser sincronizado a outros dispositivos. Também possibilita guardar dados em vídeos, áudio e documentos;
  • TrueTune: funciona como um planner digital, ideal para montar o seu cronograma diário, semanal e mensal;
  • Agenda Google: ótima ferramenta para organizar tarefas e agendar compromissos.

4. Estude sobre empreendedorismo

Para empreender é preciso conhecimento e muita disciplina. Quanto mais você souber sobre o assunto, mais estará preparado para conduzir o seu negócio para o sucesso. Principalmente porque o mercado está cada vez mais competitivo e os perfis dos consumidores estão em constante transformação.

Desse modo, procure estar sempre atualizado sobre tudo o que envolver o empreendedorismo. Leia bastante sobre o tema, faça cursos, participe de palestras e até mesmo consultorias. Sempre há o que ser aprendido.

Agora que já sabe como aumentar a produtividade, siga as dicas que apresentamos ao longo do artigo e comece a administrar melhor o seu dia. Você verá como é possível ter um bom desempenho profissional e, ainda, ter tempo para cuidar da vida pessoal. O sucesso do seu empreendimento depende do seu esforço, foco e disciplina.

Gostou das dicas? Compartilhe esse post em suas redes sociais para que mais pessoas saibam como ter um rendimento melhor no negócio.

Posts relacionados

Um comentário em “Como aumentar a produtividade na carreira empreendedora? Confira nossas 4 dicas!

Deixe um comentário